O Escalda-Pés

Banho localizado com propriedades curativas, é um remédio popular conhecido de todas as sábias avós do Japão.

Aconselhado em casos de insônia, resfriado, má circulação ou simplesmente em friagens de inverno, ele tem inúmeras variações.

Um dos métodos mais fáceis é jogar um balde de água bem quente sobre os tornozelos e os pés após o banho.

A água deve estar em temperatura mais alta do que a do banho.

O escalda-pés de água salgada é outra opção.

Basta acrescentar um pouco de sal marinho a uma bacia, onde os pés serão mantidos por dez minutos, enquanto se repousa tranqüilamente em uma cadeira.

A água deve ser conservada o mais quente possível, acrescentando-se novas quantidades de vez em quando, para reforçar.

O escalda-pés final envolve duas bacias, uma com água bem quente - mantida como foi descrito acima - e outra com água fria.

Sente-se em uma cadeira e alterne a imersão dos pés nas duas vasilhas, deixando-os ficar de trinta a sessenta segundos em cada uma delas.

Esse ritual de ida e volta será repetido por cerca de quinze minutos, até o corpo se sentir aquecido.

Em caso de resfriado, tome uma xícara de banchá com uma umeboshi durante o escalda-pés.

Qualquer dessas variações deve ser realizada antes de dormir.

Para estímulo e aquecimento adicionais, use as receitas do banho de mostarda, de crisântemo ou de gengibre, diminuindo a quantidade dos ingredientes para um escalda-pés especial.

Extraído do livro: Beleza Japonesa

Autora: Michelle Dominique Leigh

Editora Best Seller

Voltar

 

Will Arte - R. Cerro Corá, 613, 2° and. - Lapa - 05061-150 - São Paulo, SP - (11) 3021-2084 | Fale Conosco